twitter videos flickr   mapa contato   Mudar cor    idiomaingles  
 



Histórico

 

A trajetória para criação do Instituto de Pesquisa Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá – IEPA, remonta a década de 60, com a criação do Museu Comercial, também chamado de Museu Industrial, em 29 de janeiro de 1985, destinado a manter uma exposição permanente e elucidativa aos produtos regionais. Dirigido por Waldemiro Gomes, Químico, procedente de Belém do Pará especializado em Histologia Vegetal e alcalóide, que mantinha em seu acervo produtos de pesquisas com estanho, e posteriormente fibras, sementes e plantas medicinais, todas originárias da região.

Em 06 de janeiro de 1974, foi criado o Museu de História Natural Ângelo Moreira da Costa Lima, nome dado em homenagem ao mais ilustre mestre de Entomologia do Brasil, dirigido por seu idealizador Professor Reinaldo Damasceno, que já tinha competência reconhecida pelo seu trabalho na área de Entomologia Médica, desenvolvendo trabalho com malária.

Em 26 de maio de 1970, o Decreto nº 022/70 – GAB, assinado pelo então governador Ivanho é Gonçalves Martins, extingue o Museu Territorial e cria o Museu Histórico Científico Joaquim Caetano da Silva – MHCJCS. No início da década de 80, o MHCJCS passa a funcionar no mesmo prédio do Museu Costa Lima, com melhores condições de trabalho as atividades de fitoterapia foram incrementadas.

Com a necessidade de identificar o trabalho que o Museu desenvolvia e o desejo de homenagear o pioneiro desse trabalho, falecido em agosto de 1981, foi criado em 04 de maio de 1988, o Museu de Plantas Medicinais Waldemiro Gomes. Assim, as pesquisas da fauna amapaense eram desenvolvidas pelo Museu Costa Lima, instalado na Rodovia Juscelino Kubistchek – Fazendinha e as da flora amapaense pelo Museu Waldemiro Gomes, localizado na Av. Feliciano Coelho.

Visando adequar o espaço e as pesquisas em desenvolvimento em 01 de outubro de 1991, através do Decreto nº 0191, é criado o Instituto de Estudos e Pesquisas do Amapá – IEPA. Ao final de 1997, aconteceu uma nova reforma administrativa no IEPA, passando-se a sua denominação para Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá.

Desde 1999, o IEPA está vinculado à Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado do Amapá – SETEC.

O IEPA é uma autárquia com personalidade jurídica de direito público, autonomia técnica, administrativa e financeira com patrimônio e receitas próprias.

Em 26 de setembro de 2002, através do Decreto Estadual nº 6320, novas unidades de pesquisa passaram a compor a estrutura do IEPA, tais como: Centro de Pesquisas Aquáticas, Centro de Pesquisas Museológicas e Incubadora de empresas.

Atualmente, o IEPA tem sua estrutura organizacional embasada na Lei nº 1175 de janeiro 2008.

O IEPA tem por finalidade gerar e difundir conhecimentos científicos e tecnológicos sobre o ser humano, a flora, a fauna e o ambiente físico do Estado para contribuição ao desenvolvimento econômico e social.



Recursos humanos

11  Doutores;
27
Mestres;
22 Especialistas

84  Graduados

Voltar


IEPA - Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá
Av. Feliciano Coelho, 1509. Trem,
CEP: 68.901-025 - Macapá - Amapá - Brasil
Fone: (96) 3212-5341 / 3212-5342 / 3212-5366
Site desenvolvido e hospedado pelo IEPA

Amap?